segunda-feira, 6 de abril de 2009

DC-3 PP-VDM

a
Atualização: 12/01/2016

Modelo: C-53-DO Skytrooper*
Ano de Fabricação: 1942
Numeração (c/n): 7333


*A versão Douglas C-53 Skytrooper, foi projetada para transporte de tropas. Aparentemente semelhante ao modelo DC-3, porém o piso de carga não era reforçado, não possuía porta de carga e acessório de elevação, assim, eram menos flexíveis em operação do que o C-47 Skytrain. Apenas foram construídas 380 aeronaves desta versão.

Histórico: Entregue a USSAF serviu a guerra sob o registro 42-15538. Após, já 1944, voou com os prefixos YS-21 (TACA El Salvador) e TI-75 (TACA  da Costa Rica). Em 01 de junho de 1954 chegou ao Brasil para voar pela empresa Real / Aerovias Brasil (pertencente ao mesmo grupo dona da TACA), onde recebeu a matricula brasileira PP-AVJ e o nome “Bahia”. Em agosto de 1961 a Aerovias Brasil é vendida a VARIG. Em seguida a VARIG "vendeu" a aeronave para o Governo do Estado da Guanabara, que alterou sua matricula para PT-CGL, que a empregou no Departamento de Serviços Aéreos e Defesa Civil, no entanto quem a operava era a Jahu Transportadora Aérea Ltda, onde recebeu o nome de “Esperança”. Em 1966, a VARIG "comprou" o avião de volta e alterou novamente sua matricula para PP-VDM. A VARIG vendeu novamente a aeronave para a Companhia Meridional de Mineração S.A. em janeiro de 1972, que por fim a vendeu para a Amazônia Mineração em 1980, sendo o primeiro avião a pousar no aeroporto de Carajás. 
Devido ao alto custo de manutenção e a dificuldade de encontrar peças de reposição, a aeronave foi aposentada em 1982. Em 2008 a Empresa Vale bancou uma  limpeza e manutenção na aeronave.

a
Local: Aeroporto de Parauapebas/PA
a
Fotos:


A aeronave nas cores da Aerovias...  
 e da VARIG junto ao Aeroporto de Itaiatuba/PA



Em seu local atual, antes da limpeza:





Durante a limpeza:






Após a limpeza realizada.

















Nenhum comentário: